Quer viver até 100? Leia isso!

Cancele a busca por uma fonte da juventude. Fazer ajustes simples no seu estilo de vida diário pode adicionar oito a dez anos à sua vida, diz Dan Buettner em seu best-seller da National Geographic, The Blue Zones.

Com uma equipe de demógrafos e médicos, o explorador viajou para quatro cantos do globo - Sardenha, Itália; Okinawa, Japão; Loma Linda, Califórnia; e, Península de Nicoya, Costa Rica - onde altas porcentagens da população estão rindo, vivendo e amando até os 100 anos.

Ao conhecer os centenários da aldeia, entrevistando-os e observando suas rotinas diárias, Buettner desvendou esses seis segredos para sua saúde e longevidade sobrecarregadas. Continue lendo para descobrir os bons hábitos que podem prolongar sua vida.

Ria alto. "Uma coisa se destacou em cada grupo de centenários que conheci: não havia um mau humor no grupo ", diz Buettner. O riso não apenas reduz a preocupação. Também relaxa os vasos sanguíneos, reduzindo o risco de ataque cardíaco, diz Buettner citando uma pesquisa da Universidade de Maryland.

Torne o exercício um acéfalo. Nenhum dos centenários Buettner e sua equipe encontrados correram maratonas ou bombearam ferro. As pessoas que chegavam aos 100 anos faziam exercícios de baixa intensidade - caminhadas longas distâncias, jardinagem e brincadeiras com crianças - integrados em suas rotinas diárias. Como resultado, eles se exercitavam regularmente sem nunca pensar nisso. Para incluir exercícios perfeitamente em sua programação: oculte o controle remoto da TV, opte por escadas em vez do elevador, estacione mais longe da entrada do shopping e procure ocasiões para andar de bicicleta ou caminhar em vez de engolir gasolina.

Use estratégias alimentares inteligentes. Uma frase confucionista comum na cultura de Okinawa, Hara Hachi Bu, significa 'Coma até estar 80% cheio'. Sua barriga leva 20 minutos para dizer ao cérebro que você está satisfeito; portanto, se você se interromper antes de se sentir entupido, pode evitar comer demais. Outro truque? Prepare sua cozinha para uma alimentação saudável, estocando armários com pratos menores e removendo a televisão. Fazer refeições enquanto assiste TV, ouve música ou brinca com o computador, diz Buettner, leva ao consumo irracional. Concentre-se na comida, diz ele, para comer mais devagar, consumir menos e desfrutar mais de sabores e texturas.

Pegue seu quebra-nozes. Pesquisadores que estudaram uma comunidade adventista do sétimo dia em Loma Linda, Califórnia, descobriu que aqueles que comiam nozes cinco vezes por semana tinham cerca de metade do risco de doenças cardíacas e viviam dois anos a mais do que aqueles que não o faziam. "Basta comer uma pequena porção - uma ou duas onças - faz o truque", diz Buettner. Guarde pacotes de lanches na gaveta do escritório ou na bolsa para beliscar no meio da tarde. Ou adicione nozes torradas ou nozes-pecãs às saladas verdes, misture as castanhas de caju torradas na salada de frango ou cubra os filés de peixe com nozes picadas, sugere Buettner.

Seja seletivo com seu círculo. "Selecione suas amizades com cuidado ", diz Buettner. "Reúna pessoas ao seu redor que reforçarão seu estilo de vida." Os okinawanos, algumas das pessoas que vivem mais tempo no mundo, têm uma tradição não apenas de formar redes sociais fortes (chamadas de moais), mas também de alimentá-las. Kamada Nakazato, 102, nunca passa um dia sem encontrar seus quatro amigos mais próximos - desde a infância - para uma sessão de fofoca suculenta. Depois de identificar seu círculo interno, evite que ele diminua. Esforce-se para manter bons amigos, mantendo contato frequente e passando tempo com eles.

Viva com intenção. Na Costa Rica, isso se chama plano de vida. Em Okinawa, ikigai. "Em geral, aqueles que viviam mais tempo tinham um objetivo claro", diz Buettner. "Você tem que saber por que você se levanta todas as manhãs." Identifique sua direção reservando um tempo para se reconectar com seus valores e reavaliar suas paixões e forças. Em seguida, procure atividades ou aulas nas quais você possa fazer mais daquelas coisas que o fazem mais feliz na vida.

Comentários (1)

*Estes comentários foram gerados por este site.

  • ofélia u neuhaus
    ofélia u neuhaus

    Nada a comentar, top

Deixe o seu comentário

Ótimo! Agradecemos você por dedicar parte do seu tempo para nos deixar um comentário.